BRAINSTORMING

nosso jeito de pensar o ambiente de negócios
Por que você quer uma página no Facebook?

Por que você quer uma página no Facebook?

16.03.2015.

Comumente somos chamados para criar uma página de Facebook e manter uma agenda de postagens nela. Da última vez o parceiro que nos convidou ficou irritado pois, segundo ele, faço mais perguntas do que uma criança de 6 anos.

Mas quer sabe de uma coisa, é verdade!

Sempre que fazemos uma primeira reunião de levantamento de necessidades queremos provocar em nosso possível novo cliente um momento de reflexão sobre seus objetivos.

Tentamos faze-los entender que estar presente e ativo em uma rede social e na internet, não está diretamente relacionado com o aumento de vendas ou de exibição de marca. Na verdade, se mal feito, esse movimento por enterrar o negócio muito rapidamente.

Mas também é verdade que se bem feito a curva de crescimento do negócio pode ser espetacular. Só que para isso é preciso responder a uma pergunta fundamental, “Por quê?”.

Sou formado em engenharia de computação e fui educado para antes de fazer qualquer coisa, entender em profundidade e detalhe o que o cliente espera receber. É aí que a coisa fica feia!

Fato é que quando somos postos frente a um profissional que pretendemos contratar, assumimos uma posição defensiva onde queremos mostrar que temos algum conhecimento do assunto para não sermos enrolados. É por estarmos cientes disso que nossa postura é de questionamento sempre! Mas não questionamos o que o cliente está pedindo, nosso objetivo é entender o que ele espera com a ação ou campanha.

Ás vezes (e já vimos isso) o cliente quer estar nessa ou naquela rede social para construir uma imagem moderna para seu negócio e aumentar as vendas Entretanto não há uma forma de gerar vendas controladas a partir das redes sociais que ele havia escolhido, pois nenhuma delas nos permitia o call-to-action de forma simples.

Outro ponto que inviabilizava o projeto foi o fato de seu produto ser extremamente perecível e demandar uma ampliação de sua capacidade logística e de armazenamento inconcebíveis no porte da empresa naquele momento.

Costumamos dizer que o Facebook é um must-have devido ao seu porte em termos de usuários, mas as outras redes sociais precisam ser estudadas e ponderadas a partir dos objetivos do cliente. Uma rede social que geralmente recomendamos é o Google Plus.

Embora ainda pequeno no Brasil, essa rede traz alguns benefícios muito importantes:

  • Não tem restrição dos 7% de exibição que o Facebook impõe para vender posts patrocinados;
  • Aumenta a relevância do site associado nas buscas do Google.

Ou seja, o Google Plus é mais que uma rede social por si só, é um acréscimo ao trabalho de S.E.O.

Author:

Formado em engenharia de computação pela PUC-Rio é um apaixonado pelo mundo digital e um entusiasta do empreendedorismo e da capacidade humana de superar e se adaptar!